banner5

200 Anos de Independência

 

 

 
Começo meu dia falando do meu orgulho de ser brasileira,
 
apesar de tudo que o Brasil vem passando nos últimos tempos.
 
Ainda consigo me emocionar ouvindo nosso hino, ainda consigo me emocionar vendo nossos símbolos, principalmente a nossa bandeira.
 
É tempo de resgatar nossa esperança em dias melhores, é tempo de resgatar os emblemas que tentaram roubar do povo brasileiro, na força do ódio, das mentiras, do desgoverno.
 
É tempo de devolver ao Brasil o sentimento de patriotismo, de amor por tudo que verdadeiramente nos representa.
 
Ouvi durante a semana muitos discursos de que não seria válido ir às ruas desfilar no 7 de Setembro, que não teríamos motivos. Declaração injusta demais!
 
É um dia muito importante, que marca os 200 anos de independência do nosso país, comprovando que uma nação livre tem a democracia como elemento principal.
 
Hoje mais do que nunca eu sou e me sinto brasileira e manifesto integralmente o meu desejo de lutar por um lugar melhor, vendo nas políticas públicas uma saída.
 
Não tenho como não falar de esperança, não tenho como não falar de amor, porque acredito demais que no próximo 7 de Setembro já estaremos libertos de uma onda de ódio que tenta se instalar no nosso país.
 
O Brasil não merece, as pessoas não merecem.
 
Nunca precisamos tanto da participação das pessoas, do discernimento, do pronunciamento. 
 
Encerro citando Paulo Freire: “Que é mesmo a minha neutralidade senão a maneira cômoda, talvez, mas hipócrita, de esconder minha opção ou meu medo de acusar a injustiça? Lavar as mãos em face da opressão é reforçar o poder do opressor, é optar por ele”….
 

O Brasil precisa de cada um de nós!

Por: Maria Rita Dias

 

 

Compartilhe:

Deixe um comentário