banner5

Daniela Mercury promete recompensa a quem identificar agressor de Gil

 

Diversos artistas e políticos se juntaram em um manifesto de solidariedade ao cantor e compositor Gilberto Gil, após ele ter sido insultado por bolsonaristas no jogo da Seleção Brasileira, no Catar.
 
 
A cantora Ivete Sangalo se pronunciou nas suas redes sociais neste domingo (27), e disse que o Brasil tem sorte em ter um artista como Gil. “Que sorte desse país ter um artista genial como você. A vida é sobre fazer a diferença na existência, e você faz a vida ter sua potência. Respeito gigante tenho por você”, escreveu Ivete.
 
A cantora Daniela Mercury usou sua conta no Instagram para repudiar o caso do amigo Gil. “Tiro foto, dou abadá e ingresso para shows quem disser no direct quem é o agressor de Gilberto Gil”, escrever a artista. As informações são do Portal M!.
 
 
O cantor Caetano Veloso também prestou sua solidariedade ao amigo Gil nas redes sociais.
 
“Meu irmão na música e na vida, Gilberto Gil foi injuriado por bolsonaristas no Catar. Ele tem 80 anos e estava com sua esposa. Quero prestar solidariedade ao gênio Gil e dizer que nós, os artistas, assim como a verdadeira sociedade, esperamos que os criminosos sejam punidos”.
 
Políticos
 
O presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva e sua esposa, Janja Silva, utilizaram as redes socias para se solidarizar com o cantor baiano.
 
“Gilberto Gil é um dos maiores brasileiros da história. Nosso solidário abraço aos amigos Gil e Flora Gil”, disse Lula, em resposta a publicação de Janja.
 
“Ligamos para o Gil e Flora manifestando nossa solidariedade e indignação pela agressão sofrida no Qatar. Gil é patrimônio da música brasileira e merece todo nosso respeito e reverência, que o agressor seja identificado e responda pelo seu ato”, escreveu Janja. 
 
O governador eleito pela Bahia, Jerônimo Rodrigues (PT), repudiu o ataque contra Gilberto Gil no Catar. “É revoltante e merece nosso repúdio o ataque de inconformados com o resultado da eleição a Gilberto Gil, patrimônio da Bahia e do Brasil. Que o ódio e a intolerância deem lugar ao respeito e ao amor que Gil tantas vezes canta. Toda solidariedade ao nosso imortal! #GilbertoGil”.
 
Entenda o caso
 
O ataque aconteceu na última quinta-feira (24), dia do jogo entre Brasil e Sérvia pela Copa do Mundo 2022. Gil e a sua companheira Flora Gil, se dirigiam à arquibancada quando foram abordados pelos torcedores brasileiros com palavrões.
 
O vídeo que tem aproximadamente 50 segundos de gravação viralizou neste domingo (27). No momento do ocorrido, Gilberto Gil e Flora Gil não responderam aos insultos sofridos. O casal assistiu à partida de estreia da Seleção Brasileira acompanhado dos netos, Francisco Gil e João Gil.
 
O neto Franscisco Gil postou nas redes sociais a foto do avô com a legenda: “Contra todo o ódio… a serenidade, educação e gentileza. Fica o aprendizado. Mais um”, disse.
 
Por Blog do Magno
Compartilhe:

Deixe um comentário