banner5

Peeling de fenol: dona de clínica fala sobre morte de empresário

Natalia foi foi indiciada por homicídio doloso com dolo eventual na última quarta-feira (5/6)  (Crédito: Reprodução/Redes sociais)
Natalia foi foi indiciada por homicídio doloso com dolo eventual na última quarta-feira (5/6) (Crédito: Reprodução/Redes sociais)

Questionada sobre qual é sua formação, Natalia não quis responder a pergunta. Depois, ela conta que aprendeu a técnica de peeling de fenol em um curso on-line

A influenciadora Natalia Fabiana de Freitas Antonio, conhecida como Natalia Becker, disse que ligou para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) após o empresário Henrique Silva Chagas, 27 anos, passar mal depois de ser submetido ao peeling de fenol. “Todo mundo ficou desesperado. Foi bem difícil, foram cenas bem fortes para mim e me traumatizou completamente”, disse Natalia ao programa Fantástico, da TV Globo.

Henrique morreu após o procedimento e, segundo a polícia, o óbito ocorreu devido a um choque anafilático por alergia a algum dos elementos utilizados na operação. Natalia foi indiciada por homicídio doloso com dolo eventual na última quarta-feira (5/6).

Questionada sobre qual é sua formação, Natalia não quis responder a pergunta. Depois, ela conta que aprendeu a técnica de peeling de fenol em um curso on-line.

Em nota, a Associação Nacional dos Esteticistas e Cosmetólogos disse que Natalia é uma “pessoa leiga atuando com estética”. “No caso concreto houve uma sucessão de erros, começando por uma pessoa leiga atuando com estética. A partir daí, tudo piora, quando uma micropigmentadora, que somente pode trabalhar com dermógrafo e tinta, utiliza outras substâncias como ácidos, faz limpeza de pele que aprendeu em cursos livres. Infelizmente, outras que já intimamos, virão nessa leva, causando danos à sociedade, mas não vamos deixar de procurar a criminalização de cada uma delas”, frisou a organização.

Imagens de câmera de segurança da clínica de Natalia, obtidas pelo Fantástico, mostram o momento em que Henrique começa a passar mal. Marcelo, namorado do empresário, diz: “Ei, ele tá passando mal. Ajuda pelo amor de Deus, gente”.

Horas depois de passar pelo procedimento, Henrique começa a tremer e o namorado põe a mão no peito dele. “(O coração) está parando, gente. Rick. Rick. Rick”, grita Marcelo.

Natalia afirmou que até então não havia ocorrido complicações em pacientes por causa do peeling de fenol. No entanto, uma ex-paciente relatou que teve vermelhidão e a pele sangrou por meses após passar pelo procedimento.
“Eu me iludi porque ela falou que em 10 dias estaria ótima a minha pele. Eu fiquei cinco meses com a pele vermelha. Minha pele ela começou a ficar com pus e sangrava toda noite”, disse a mulher ao Fantástico.
O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo defende que o procedimento seja feito apenas com médicos. “O peeling de fenol é cardiotóxico, hepatotóxico e nefrotóxico, e somente o médico em um ambiente adequado ou em clínica autorizada pode fazer esse procedimento”, afirma a entidade.
As informações são do Correio Braziliense.
Compartilhe:

Deixe um comentário