banner5

Cariri Cangaço anuncia Programação Oficial para Seminário em Afogados da Ingazeira

Cariri Cangaço anuncia Programação Oficial de Seminário em Afogados da  Ingazeira - PE Notícias

O Cariri Cangaço vai  apresentar um Seminário em Afogados da Ingazeira – Carnaíba – Ingazeira – Iguaracy na noite da próxima quinta-feira, dia 18 de abril de 2024, no Cine Teatro São José, com início programado para às 18h com a Abertura Festiva da Feira de Livros e às 19h início da Noite Solene. O encontro segue com diversas realizações até o dia 21.

O Cariri Cangaço fundado na região do Cariri, no sul do estado do Ceará, nasceu com esse sentimento; lúcido e responsável; promovendo fóruns qualificados e multidisciplinares que propiciam de forma clara, uma melhor discussão não só sobre o fenômeno cangaço; tão rico e intrigante; mas sobre muitas outras temáticas ligadas ao nosso sertão. O Cariri Cangaço com um formato específico; de caráter itinerante, tem reunido a partir de uma programação plural, dinâmica e universal, personalidades locais, regionais e nacionais do universo da pesquisa e estudo das temáticas ligadas às Tradições, Memórias e Histórias do Nordeste, em conferências e debates, visitas técnicas e acadêmicas, mostras de cinema , vídeo e documentários, exposições de artes, latada do livro; com lançamentos e feiras literárias, assim, atualmente em seus quinze anos de realizações, configura-se como um dos maiores e mais respeitados fóruns de debates e aprofundamento sobre temas ligados ao Cangaço e sertão nordestino do país , contemplando também  temáticas capilares ligadas ao fenômeno, como: Coronelismo, Religiosidade, Messianismo, Cultura, Musica , Culinária, Estética, e outros, unidos a partir de um evento único no Brasil e no mundo.

Hoje; o Cariri Cangaço rompeu as barreiras do estado do Ceará, estando presente em 34 municípios de 07 estados da federação: Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia, já realizou mais de 250 Conferências, 300 Visitas Técnicas, 100 livros lançados, reunindo mais de 700 pesquisadores e mais de 60 mil pessoas em todas as suas realizações.

Já receberam edições do Cariri Cangaço os municípios: Crato, Juazeiro do Norte, Barbalha, Missão Velha, Aurora, Porteiras, Barro, Milagres, Lavras da Mangabeira, Fortaleza, Brejo Santo e Quixeramobim, no Ceará; Natal, no Rio Grande do Norte; Sousa, Nazarezinho, Lastro, Princesa Isabel, São José de Princesa, Campina Grande, Gurjão e Catolé do Rocha, na Paraíba; Floresta, Exu, Serrita, São José de Belmonte, Serra Talhada, Calumbi e Triunfo, em Pernambuco; Piranhas e Água Branca, em Alagoas; Poço Redondo, em Sergipe e Pedro Alexandre e Paulo Afonso, na Bahia.

Clique aqui para saber toda programação em Afogados da Ingazeira: www.cariricangaco.blogspot.com

4º Semana do Audiovisual Negro chega a Afogados da Ingazeira, no Sertão de Pernambuco.

Oficina e exibições gratuitas ocorrem de 8 a 10 de abril: o Cine São José receberá uma leva de filmes ligados ao universo Negro e Indígena – o filme “Histórias do Leitão da Carapuça”, realizado na Comunidade Quilombola de Afogados da Ingazeira, é um dos destaques

Entre os dias 08 e 10 de abril, Afogados da Ingazeira, no Sertão do Pajeú, receberá as atividades da Mostra de Cinemas de Realizadores Negros e Indígenas. Com exibições marcadas para o Cine São José no dia 10 de abril, às 13h30 e às 19h o projeto exibirá o filme “Histórias do Leitão da Carapuça”, realizado na comunidade quilombola em Afogados da Ingazeira, em 2023, com a participação de Mestre do Coco Inácio Pedro, Patrimônio Vivo de Pernambuco.

Ainda serão exibidos filmes nacionais realizados e com temáticas voltadas à população negra e indígena no país de graça no Cine São José:

10/04 (quarta) 13h30 – Tarde:
Dorme Pretinho (8 minutos)
Duelo do Rodão (8 minutos)
OuvidoChão (21 minutos)
Moagem (17 minutos)
Além da Cancela (24 minutos)
Jurema da Rama à Flor (19 minutos)

10/04 (quarta) 19h – Noite
Histórias do Quilombo da Carapuça (7 minutos)
Engole o Choro (11 minutos)
A serena onda que o mar me trouxe (73 minutos)

Para somar às atividades, nos dias 08 e 09 de abril será aplicada a oficina audiovisual para estudantes, com as realizadoras Narriman Kauane e Iris Regina. Representantes de comunidades indígenas e quilombolas, respectivamente, elas compartilharão saberes sobre processos de construção e gravação de filmes em suas comunidades. Uma oportunidade incrível para conhecer mais sobre outras narrativas no cinema. Será na EREM Prof° Ione de Góes Barros (Colégio Normal Estadual), sempre a partir das 13h.

Mais informações no instagram @audiovisual.negro. A 4º Semana do Audiovisual Negro é uma realização do Cineclube Alma no Olho; com produção da Alto Mar, da Pajeú Filmes e do Uh Ibura Aê; apoio institucional do Cine São José; e incentivo do Funcultura, Fundarpe, Secretaria de Cultura e Governo de Pernambuco.

Créditos das imagens: Mestre Inácio Pedro, Patrimônio de Pernambuco, no cartaz de “Histórias do Quilombo” (divulgação), cartaz da Mostra (divulgação) e fachada do Cine São José (Leonardo Lemos)

Como nasceu a crença de que se chover no dia de São José o inverno vai ser bom?

Há tempos perdura a crença arraigada nos corações dos Nordestinos, de que a ocorrência de chuvas no Dia de São José prenuncia um período favorável de precipitações e prosperidade futura. Com a chegada do dia 19 de março, as preces se dirigem aos céus na esperança de obter água para abençoar as colheitas e reabastecer os açudes. Mas de onde surgiu a tradição, tanto da fé quanto da ciência, em relação a essa crença?

Em muitas culturas, São José é considerado um protetor da colheita e dos trabalhadores rurais. Por esse motivo ocorrem neste período do ano novenas em homenagem ao santo, fato que coincide com as chuvas de março na região do nordeste.

Estudiosos da religião explicam que os rituais possuem fundamento teológico, mas quanto às chuvas, se trata de uma crença que associa a religiosidade à cultura local, até porque para o catolicismo o santo ligado aos fenômenos climáticos como a chuva é São Pedro, e não São José.

No ano passado o jornal Diário do Nordeste fez uma análise de como foi o inverno nos últimos 20 anos, depois do dia de São José, observando se naquele dia tinha chovido ou não. Em 11 dos 20 anos, choveu no dia de São José e as chuvas seguintes do resto da quadra invernosa foi boa. Em nove dos anos anteriores, ocorreu o inverso: não choveu no dia do santo, e o inverno não foi bom.

Mas para quem estuda as chuvas do ponto de vista científico, a partir das teorias da meteorologia, isso não passa de uma mera coincidência. A crença pode ter nascido na relação do fato que, no hemisfério sul, o dia de São José ocorre próximo ao equinócio de outono, período em que as chuvas são fundamentais para o plantio e a germinação das sementes.

Na região do Nordeste a data do dia do santo esbarra com o período em que a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) chega ao seu pico. A ZCIT é o principal fenômeno causador de chuvas nesta região.

Blog do Marcello Patriota

Programação Oficial Cariri Cangaço Afogados da Ingazeira


CARIRI CANGAÇO AFOGADOS DA INGAZEIRA

Carnaíba – Ingazeira – Iguaracy

Pernambuco –Nordeste do Brasil

18 de abril de 2024- Quinta-Feira

NOITE

NOITE SOLENE DE ABERTURA

CINE TEATRO SÃO JOSÉ

Rua Newton César de Macedo Lima, s/n – Afogados da Ingazeira

18h  Abertura Festiva da Feira de Livros

19h Início da Noite Solene 

Mestre de Cerimônia

Marcelo Litwak

Apresentação Artística

Grupo de Xaxado Bandoleiros da Solidão

Formação da Mesa Solene de Abertura

MANOEL SEVERO BARBOSA – Curador Cariri Cangaço

ALESSANDRO PALMEIRA– Prefeito Municipal de Afogados da Ingazeira

ANCHIETA PATRIOTA- Prefeito Municipal de Carnaíba

LUCIANO TORRES – Prefeito Municipal de Ingazeira

ZEINHA TORRES – Prefeito Municipal de Iguaracy

AUGUSTO MARTINS – Presidente da Comissão Organizadora

JOSÉ PATRIOTA – Deputado Estadual 

PADRE LUIZ MARQUES FERREIRA – Diocese de Afogados

HESDRAS SOUTO – Presidente do CPDOC 

ALBERTO RODRIGUES – Presidente do IHGP

LEMUEL RODRIGUES- SBEC Sociedade Brasileira de Estudos do Cangaço

ARCHIMEDES MARQUES – Academia Brasileira de Letras e Artes do Cangaço

ADRIANO CARVALHO – Academia Brasileira de Estudos do Sertão

NARCISO DIAS – GPEC Grupo Paraibano de Estudos do Cangaço

ANGELO OSMIRO – GECC Grupo de Estudos do Cangaço do Ceará

WASTERLAND FERREIRA- GECAPE Grupo de Estudos do Cangaço de Pernambuco

JULIERME WANDERLEY – Conselho Cristino Pimentel – Borborema Cangaço

 

19h Hino Nacional 

  Banda de Musica Municipal Bernardo Delvanir Ferreira

19h15 – Entrada do Estandarte do Cariri Cangaço

Conselheiros Cariri Cangaço: Célia Maria Parahybana – João Pessoa PB

Capitão Quirino Silva – João Pessoa PB

19h40 – Apresentação do Cariri Cangaço

Conselheiro LUIZ FERRAZ FILHO – Serra Talhada PE

TAILENE BARROS – Serra Talhada PE

19h50 – Cumprimentos aos Convidados

MANOEL SEVERO BARBOSA – Curador Cariri Cangaço

ALESSANDRO PALMEIRA– Prefeito Municipal de Afogados da Ingazeira

AUGUSTO MARTINS – Presidente da Comissão Organizadora

JOSÉ PATRIOTA – Deputado Estadual 

20h30 – Entrega de Comendas “Mérito Cultural Cariri Cangaço”

  1. Prefeito Alessandro Palmeira – Sandrinho

Entregue por Conselheiro Zezito Maia – Catolé do Rocha PB

  1. Gastão Cerquinha da Fonseca(in memorian)

Entregue por Conselheira Elane Marques – Aracaju SE

3.Joel Ferreira Lima – Museu da Saudade

Entregue por Conselheiro Luiz Ferraz Filho – Serra Talhada PE

  1. José Rufino da Costa Neto – Dedé Monteiro

Entregue por Conselheiro Moustafa Veras – Afogados da Ingazeira PE

  1. Nivaldo Alves Galindo Filho – Nill Junior

Entregue por Conselheira Ana Gleide Leal – Floresta PE

21h – Posse de Novos Conselheiros Cariri Cangaço

HESDRAS SÉRVULO SOUTO DE SIQUEIRA CAMPOS FARIAS

Estola e Diploma entregues por Conselheiros

ANDRÉ VASCONCELOS – Triunfo PE

LUMA HOLANDA – João Pessoa PB

ORLANDO NASCIMENTO CARVALHO

Estola e Diploma entregues por Conselheiros

MANOEL BELARMINO – Poço Redondo SE

JOÃO DE SOUSA LIMA – Paulo Afonso BA

21h 10 – Conselheiros Mirins

HENRIQUE DINIZ FERRAZ NOVAES

Estola e Diploma entregues por Conselheiro

CLÊNIO NOVAES e HELGA DINIZ – São José de Belmonte PE

FELIPE ANTÔNIO CAMPOS TELES PEREIRA DE MENEZES

Estola e Diploma entregues por Conselheiro

LOURO TELES e JOSEANE TELES – Calumbi PE

21h 30 – Homenagem “Mulher Arretada Cariri Cangaço”

Manoel Severo e Tailene Nogueira Barros

Ângela Maria Recife PE

Catarina Venâncio João Pessoa PB

Eliana Pandini Entre Rios BA

Glaucia Ferraz Serra Talhada PE

Helga Diniz Floresta PE

Isalete Alencar Paulo Afonso BA

Joseane Teles Calumbi PE

Maria Oliveira Poço Redondo SE

Ranaíse Almeida Capoeiras PE

Risonete Rodrigues João Pessoa PB

Rosane Ferraz Recife PE

Rose Sousa Poço Redondo SE

Sulamita Burity Campina Grande PB

21h 50 – Homenagens pela ABLAC

Archimedes Marques e Elane Marques

22h – Passagem do Estandarte do Cariri Cangaço

Atual Sede : Afogados da Ingazeira PE

AUGUSTO MARTINS – HESDRAS SOUTO – LUIZ FERRAZ FILHO – LOURO TELES 

MOUSTAFA VERAS – TAILENE BARROS – LUMA HOLANDA

Próxima Sede: Jardim CE

ADRIANO CARVALHO – LUIZ LEMOS – JOÃO PAULO SOUZA

22h10 Encerramento

19 de abril de 2024- Sexta-feira

MANHÃ

8h -SAÍDA PARA VISITA TÉCNICA

Serra da Colônia – Local do Nascimento de Antônio Silvino

CARNAÍBA – PE

9h – SOLENIDADE 

9h10 Entrega da Comenda Mérito Cultural 

Prefeito de Carnaíba, Anchieta Patriota

Entregue por Conselheiro Leonardo Gominho 

9h20 CONFERÊNCIA DE CAMPO NA SERRA DA COLÔNIA

As Origens de Antônio Silvino 

Hesdras Souto Tuparetama PE

Antônio Silvino sob o Olhar da Família

Rafael Borges  Caruaru PE

Bisneto de Antônio Silvino 

10h – CAPELA DE SANTO ANTÔNIO DA COLÔNIA

Entrega e Consagração Comenda de “Lugar de Memória Cariri Cangaço”

Padre Luizinho Marques

Entrega por Conselheiros Joaquim Pereira e Wescley Dutra

11h30 – VISITA DE CAMPO

Museu do Rádio

 Rua Sete de Setembro, Afogados da Ingazeira

11h45 Entrega da Comenda Mérito Cultural 

Museu do Radio

Nill Junior

Entrega por Conselheiros Archimedes e Elane Marques

13h – ALMOÇO EM AFOGADOS DA INGAZEIRA 

TARDE LIVRE

NOITE

18h30 – PAINEL E DEBATES

Auditório da Câmara Municipal

Rua Dr. Roberto Nogueira Lima, 236, Afogados da Ingazeira – PE

19h – LANÇAMENTOS E APRESENTAÇÃO DE LIVROS

  1. As andanças de Antônio Silvino pelos sertões do Seridó e Curimataú

Fabiana Agra Picuí PB

  1. Manoel Netto – No rastro de Lampião

Leonardo Gominho Floresta PE

  1. Manoel Batista de Morais – Cangaceiro Antônio Silvino 

Célia Maria Silva João Pessoa PB

  1. Carnaíba: Memórias, Transformações Espaciais e Socioculturais

José Anchieta de Siqueira São Paulo SP

19h30 – CONFERÊNCIAS

  1. ANTONIO SILVINO – O Rifle de Ouro

Julierme Wanderley  Campina Grande PB

  1. AS VÁRIAS FACES DA PRISÃO DE ANTONIO SILVINO

Debate com Painelistas

Geraldo Ferraz Recife PE

 Ivanildo Silveira Natal RN

Fabiana Agra Picuí PB

Rafael Borges Caruaru PE

Luiz Ferraz Filho Serra Talhada PE

Hesdras Souto Tuparetama PE

22h Encerramento

20 de abril de 2024- Sábado

MANHÃ

8h -SAÍDA PARA VISITA TÉCNICA EM INGAZEIRA

Ingazeira – Passagens de Antônio Silvino

INGAZEIRA – PE

9h – SOLENIDADE –IGREJA MATRIZ DE SÃO JOSÉ

INGAZEIRA – PE

9h10 Entrega da Comenda Mérito Cultural 

Prefeito de Ingazeira, Luciano Torres

Entregue por Conselheiros Clênio Novaes e Junior Almeida

9h20 CONFERÊNCIA DE CAMPO E 

O GRANDE ENCONTRO DA FAMÍLIA MORAES

(Descendentes de Antônio Silvino)

As Passagens de Antônio Silvino 

Hesdras Souto e Osmano Moraes

9h50 Comenda para Antônio Silvino

“Personagem Eterno do Sertão”

Família Moraes

Entregue por Conselheiros, Carlos Alberto Silva e Josué Macedo Santana

10h – VISITA ÀS CASAS DAS IRMÃS DE ANTONIO SILVINO

10h30 -SAÍDA PARA VISITA TÉCNICA EM JABITACÁ

Jabitacá – Passagens do Cangaceiro Meia-Noite

IGUARACY – PE

11h – SOLENIDADE –IGREJA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

JABITACÁ, IGUARACY – PE

11h10 Entrega da Comenda Mérito Cultural 

Prefeito de Iguaracy, Zeinha Torres

Entregue por Conselheiro Ângelo Osmiro

11h15 Entrega e Consagração Comenda de 

“Lugar de Memória Cariri Cangaço”

Igreja Nossa Senhora da Conceição

Entrega por Conselheiros Geraldo Ferraz e Narciso Dias

11h20 CONFERÊNCIA DE CAMPO

Passagens do Cangaceiro Adolfo Meia-Noite

Moustafá Veras Afogados da Ingazeira PE

12h30 Retorno Afogados da Ingazeira

TARDE LIVRE

NOITE

18h30 – PAINEL E DEBATES

Auditório da Câmara Municipal

  1. Dr. Roberto Nogueira Lima, 236, Afogados da Ingazeira – PE

19h – LANÇAMENTOS E APRESENTAÇÃO DE LIVROS

  1. Antônio Matilde – O Mestre de Armas de Lampião

Bismarck Martins Pocinho PB

  1. Lampião em Serrinha do Catimbau

Junior Almeida Capoeiras PE

  1. Francisco Ricardo Nobre, o Inglês da Volta e sua descendência

 de Yoni Sampaio & Geraldo Tenório Aoun Recife PE

por Joaquim Pereira Recife PE

  1. Diário do Cangaço – Das origens da cidade de Vila Bella 

a ascensão de Lampião 

Paulo Cesar Gomes  Serra Talhada PE

19h30 – Entrega de Comendas “Mérito Cultural Cariri Cangaço”

  1. Tenente João Bezerra da Silva (in memorian)

Entregue por Conselheiro Bismarck Martins – Pocinho PB

  1. Tenente João Gomes de Lira (in memorian)

Entregue por Conselheiro Louro Teles – Calumbi PE

19h40 – CONFERÊNCIAS

  1. Tenente João Bezerra da Silva: O Comandante de Angico  

Paulo Britto  Recife PE

  1. Tenente João Gomes de Lira: Memórias de um Soldado de Volante

Rubelvan Lira Nazaré do Pico PE

Clóvis Lira Afogados da Ingazeira PE

  1. Manoel Arão: O Maior Literato de Afogados de Todos os Tempos

Saulo Duarte Flores PE

22h – APRESENTAÇÕES ARTISTICAS NA PRAÇA

21 de abril de 2024- Domingo

MANHÃ

8h -SAÍDA PARA VISITA TÉCNICA EM CARNAÍBA

8h45 VISITA AO MONUMENTO AO POETA ZÉ MARCOLINO

Santo Antônio – Carnaíba PE

9h VISITA AO MUSEU DE ZÉ DANTAS

Praça de Eventos Milton Pierre s/n Centro – Carnaíba PE

Apresentação da Banda de Pífanos do Riacho do Meio

Cíço do Pife e Joel do Museu da Saudade

9h10 Entrega da Comenda Mérito Cultural ao Museu de Zé Dantas

Entregue por Conselheiro Emmanuel Arruda

10h VISITA À CASA E BUSTO DE ZÉ DANTAS

ENCERRAMENTO

 CARIRI CANGAÇO AFOGADOS DA INGAZEIRA

Carnaíba – Ingazeira – Iguaracy

Pernambuco –Nordeste do Brasil

Realização

Instituto Cariri do Brasil

Conselho Alcino Alves Costa – Cariri Cangaço

Apoio na Realização

Prefeitura Municipal de Afogados da Ingazeira

Prefeitura Municipal de Carnaíba

Prefeitura Municipal de Ingazeira

Prefeitura Municipal de Iguaracy

Apoio Institucional

SBEC – Sociedade Brasileira de Estudos do Cangaço

 ABLAC – Academia Brasileira de Letras e Artes do Cangaço

ABRAES – Academia Brasileira de Estudos do Sertão Nordestino

GECAPE – Grupo de Estudos do Cangaço de Pernambuco

GPEC – Grupo Paraibano de Estudos do Cangaço

GECC – Grupo de Estudos do Cangaço do Ceará

Borborema Cangaço

CPDOC – Centro de Pesquisa e Documentação do Pajeú

IHGP – Instituto Histórico e Geográfico do Pajeú

CARIRI CANGAÇO

Afogados vai sediar etapa do projeto Cariri Cangaço, o mais conceituado encontro de escritores e pesquisadores de temas nordestinos.

O Cangaço foi um importante fenômeno histórico-social que marcou a história do Nordeste no final do século XIX e primeiras décadas do século XX.

O Pajeú, não apenas por ter sido o berço de nascimento de Virgulino Ferreira, o “Lampião”, principal personagem do cangaço, mas também por terem nascido na região personagens importantes do cangaço como o cangaceiro Antônio Silvino e o tenente João Bezerra, policial que comandou a volante que matou Lampião e quase todo o seu bando.

Em reconhecimento à importância que a região do Pajeú tem para a história do cangaço, o projeto Cariri Cangaço irá realizar em Afogados da Ingazeira um importante simpósio sobre o tema no próximo mês de Abril. O Cariri Cangaço é um projeto que reúne historiadores, estudiosos e pesquisadores com o objetivo de divulgar, estudar, pesquisar e debater esse importante período de nossa história.

Durante o último simpósio do grupo, realizado no município paraibano de Catolé do Rocha, o Secretário de Cultura de Afogados, Augusto Martins, esteve presente e recebeu o estandarte do projeto simbolizando que Afogados será a próxima parada.

“Será um evento muito importante, que contará com o apoio da Prefeitura de Afogados. Afogados da Ingazeira é uma importante referência para a história do cangaço no Nordeste. Somos a terra que foi nascer Antônio Silvino e o tenente João Bezerra. Reuniremos aqui, no mês de abril, alguns dos maiores estudiosos do cangaço em uma programação que vai conter com debates, palestras, visitas técnicas, feiras de livros, dentre outras. A programação também envolverá cidades como Iguaracy, Ingazeira e Carnaíba, que também estiveram na rota do cangaço,” destacou o Secretário Augusto Martins. Ele esteve acompanhado dos integrantes da comissão organizadora do evento que será realizado em Afogados, os historiadores e pesquisadores do cangaço Hesdras Souto, Luiz Ferraz, Lourinaldo Teles, Moustafa Veras e Tailene Barros.

Para o curador do Cariri Cangaço, Manoel Severo , a “chegada do Empreendimento ao Alto Pajeu significa o reconhecimento de todo o Brasil à força da memória, história e tradição de Afogados da Ingazeira , como também de toda região , uma vez que será em consórcio com as cidades de Carnaiba, Ingazeira e Yguaraci. Será uma grande festa regional , sediada aqui ; dai gostaríamos de agradecer todo o apoio da gestão municipal , através do prefeito como tambem o secretário de cultura Augusto Martins “

Quem quiser se inteirar sobre o assunto e conhecer as ações desenvolvidas pelo projeto, pode seguir o perfil do grupo no Instagram: @cariricangaco.

São João de Caruaru: Simone Mendes e Jorge de Altinho são confirmados na edição de 2024

Neste ano, o São João de Caruaru terá 27 polos (Foto: Divulgação)
A programação completa será divulgada no dia 19 de março
O São João de Caruaru, no Agreste do estado, será realizado entre os dias 19 de abril e 29 de junho e a programação será oficialmente divulgada pela prefeitura do município no dia 19 de março. Mas nesta terça-feira (27), duas atrações já foram confirmadas para a festa que vai durar 72 dias, são eles Simone Mendes e Jorge de Altinho.
Jorge Altinho foi a primeira atração confirmada no maior São João do estado. O artista irá se apresentar no Pátio de Eventos Luiz Gonzaga, principal palco da festa. Nas duas últimas edições do São João do município, Jorge Altinho foi deixado de lado e chegou a se posicionar sobre o fato de não estar presente na grade da programação.
“Não foi possível adequar a agenda de shows para nossa apresentação”, escreveu o cantor em uma publicação nas redes sociais, ressaltando que já tinha um compromisso de se apresentar em outra cidade no ano passado.
Simone Mendes foi confirmada pela prefeitura do município logo em seguida. Esta é a segunda vez que uma das maiores vozes do sertanejo se apresenta no São João de Caruaru desde que seguiu carreira solo. Em 2023, ela subiu ao palco do Pátio de Eventos Luiz Gonzaga no dia 9 de junho.
Neste ano, o São João de Caruaru terá 27 polos distribuídos pela cidade, dois a mais que o ano anterior.

Governo de Pernambuco deve começar a pagar cachês do Carnaval nas próximas semanas

Cacau de Paula, secretária estadual de Cultura, apresenta balanço do Carnaval 2024
Cacau de Paula, secretária estadual de Cultura, apresenta balanço do Carnaval 2024 – Foto: Alexandre Aroeira/Folha de Pernambuco

Em 2024, o Estado realizou 1.038 contratações artísticas para a folia

O Carnaval é, sem dúvidas, uma grande vitrine para a cultura pernambucana. Orquestras de frevo, maracatus, afoxés, bonecos gigantes, papangus e tantos outros legítimos representantes da folia momesca foram destaque nos dias de festividade, agora avaliados em números pelo Governo do Estado.

De acordo com os dados do balanço geral do Carnaval em Pernambuco, apresentados ontem à imprensa, o Estado realizou 1.038 contratações artísticas em 2024. Em relação ao ano anterior, houve um aumento de mais de 60%. Do número total divulgado, 40% corresponde às apresentações de grupos de cultura popular.

“Nós conseguimos estar em mais de 100 municípios. Então, todas as regiões do nosso Estado receberam o apoio do Governo de Pernambuco, para que o Carnaval chegasse a todos os pernambucanos”, pontuou Cacau de Paula, secretária estadual de Cultura.

Atrações com popularidade a nível nacional estiveram presentes na folia pernambucana. Uma pesquisa encabeçada pela Secretaria de Turismo e Lazer de Pernambuco, no entanto, sugere que quem visita o Estado nesse período prefere os artistas regionais. Entre os turistas entrevistados, 74,50% mostraram essa preferência.

“Isso nos traz uma ponta de orgulho e serve para estimular as prefeituras a valorizarem a cultura local, colocando as suas agremiações e artistas pernambucanos para subirem ao palco”, apontou o secretário de Turismo e Lazer, Daniel Coelho.

Pagamentos dos cachês

Leia mais

Afogados da Ingazeira foi vanguardista em filmes pornôs no Sertão .

 

O saudoso cine Bom Jesus.

Afogados da Ingazeira, solo sagrado da minha nascença, é vanguardista na radiofonia no Sertão. Pioneira nas ondas do rádio AM em terras euclidianas, a Rádio Pajeú rompeu o isolamento imposto pelos grandes centros urbanos aos que pagaram o preço caro da discriminação por ter vindo ao mundo em plagas tão distantes. Botou música e notícia no rádio a partir de 4 de outubro de 1959 pelo bispo vanguardista Dom Mota.

Minha cidade é amostrada, como diz o matuto. Também saiu na frente na abertura das cortinas da sétima arte. Fundado em 23 de novembro de 1942, pelo comerciante Helvécio Lima, o Cine São José tem 82 anos. Na época a cidade sequer contava com uma rede elétrica. Seu Helvécio inovou: comprou um gerador próprio para garantir as sessões em dias de feira.

Na década seguinte, o cinema foi vendido à Diocese Bom Senhor Jesus dos Remédios, representação da Igreja Católica no Sertão do Pajeú. Administrado pela igreja e por alguns arrendatários, não resistiu ao modismo da TV e chegou a fechar. Deteriorado, seu prédio ficou em ruínas, mantendo apenas a estrutura das paredes externas.

A partir de 1994, através de um movimento liderado pelo meu irmão Augusto Martins, hoje secretário de Cultura do município, o cinema renasceu, com um projeto cujas obras preservaram sua fachada original. A reinauguração se deu em 2003. Até hoje o cinema está vivinho e, de vez em quando, vou lá pegar uma telinha para matar a saudade dos velhos tempos de Tarzan e os cowboys americanos.

Afogados da Ingazeira também foi vanguardista na introdução do cinema pornô. Olavo Vitorino Moura, apelidado de Olavo Corró, baixinho, metido a cavalo do cão, enfrentou o conservadorismo da sociedade afogadense e abriu um cinema para concorrer com o cine São José.

Mas só exibia filmes para maiores de 21 anos explorando o sexo em toda sua plenitude. Menores como eu e meu irmão Marcelo, parelha de infância e adolescência em Afogados da Ingazeira, subíamos no telhado das casas vizinhas para curiar os filmes pornôs.

Olavo foi um revolucionário. Passou por cima de todas as regras da lei do conservadorismo de uma sociedade feudal com seu cinema pornográfico, que visava exclusivamente o estímulo da sexualidade humana. Foi discriminado, perseguido, xingado e apontado como pornográfico, um fora da lei.

Por vezes, os telespectadores atraídos para os filmes pornôs de Olavo Corró chegavam a se masturbar ou até mesmo a praticar sexo dentro da sala de exibição. Olavo pagou um preço caro. Quando isso se espalhou na cidade, seu cinema foi censurado e fechado.

Olavo, coitado, queria apenas ser diferente. Os filmes pornográficos existem desde a época do cinema mudo, e eram usualmente rodados em bordéis. Em 1970, nos Estados Unidos, o cinema pornô ganhou forte impulso, graças à eliminação do Código das Produções e à instituição da classificação de filmes por faixa etária, deixando de ser um produto do submundo criminal e se constituindo numa indústria publicamente instalada.

Passaram a ser exibidos em cinemas próprios, conhecidos por “Salas Especiais”. Nessa época, alguns filmes entraram para a história, como Garganta Profunda (ou “Garganta Funda”, como ficou conhecido em Portugal), O Garanhão Italiano, Atrás da Porta Verde e O Diabo na Carne de Miss Jones, que foi uma superprodução para a época.

Olavo, ainda lembro, fez grande sucesso com o Garganta Profunda!

Do Blog do Magno Marins.

Mela-mela, tô na folia e desfile de fantasia infantis no carnaval de Afogados

O Carnaval Tradição dos Tabaqueiros e de todas as culturas vem agitando as ruas e polos de animação em Afogados da Ingazeira.

Nesta segunda, a animação começou cedo com o bloco Gava, no Clube Campestre e no Pólo AABB ao som do Quinteto do Samba.

Pelo sétimo ano consecutivo o Bloco Mela Mela, do Bairro São Francisco, arrastou uma verdadeira multidão, ao som de Robby e Mateus Max. O bloco já é uma tradição na tarde da segunda de carnaval.

À noite, na avenida Rio Branco, aconteceu a tradicional descida do bloco Tô na Folia, animado pelo cantor J. Santos, ex-vocalista da banda calango aceso. Esse é o 22º ano consecutivo do tô na folia animando os foliões. Bonecos gigantes e estandartes foram os abre-alas do bloco, que contou com as presenças do ex-prefeito Totonho Valadares, do Prefeito Sandrinho Palmeira, do vice, Daniel Valadares, e dos Deputados José Patriota (Estadual) e Carlos Veras (Federal).

No polo do frevo, na praça de alimentação, a noite foi das crianças participarem do concurso e desfile de fantasia infantis. A comissão julgadora formada por Helena Levino, Darlene Silva e Pedro Rafael analisaram os critérios de indumentária, desenvoltura e criatividade.

Os ganhadores na categoria de 0 a 06 anos foram: 1° Lugar – Artur Miguel com a fantasia Lampião; 2° Lugar – Maria Helena com a fantasia Baiana e em 3°Lugar – Antônio Levi com a fantasia Peste Negra. Na categoria de 07 a 12 anos: 1° Lugar – João e Luiz com a fantasia Rei do Carnaval e Seu Fiel Companheiro; 2° Lugar – Isadora e Catarina com a fantasia Jardim da Fantasia; em 3° Lugar – Daniel Almeida com a fantasia Homem Aranha.

O Prefeito Alessandro Palmeira acompanhou o concurso de fantasias infantis ao lado de sua esposa Lelis e de sua filha Eulália.

Todos os participantes receberam premiações em dinheiro e troféu de participação.